22.6 C
Distrito Federal
- PUBLICIDADE -
InícioBrasilMaranhãoSolenidade aconteceu durante encerramento do I Encontro de Equipes de Práticas Restaurativas...

Solenidade aconteceu durante encerramento do I Encontro de Equipes de Práticas Restaurativas na Socioeducação do Maranhão

- PUBLICIDADE -

Presidente da Funac, Sorimar Sabóia, lançou Selo de Práticas Restaurativas. (Foto: Érica Gomes)

A Fundação da Criança e do Adolescente (Funac) lançou, na última sexta-feira (3), o Selo de Práticas Restaurativas. O selo é um reconhecimento simbólico para premiação dos Centros Socioeducativos, que adotam práticas restaurativas. O selo foi apresentado pela presidente da Funac, Sorimar Sabóia, durante o encerramento do I Encontro de Práticas Restaurativas da Socioeducação do Maranhão, realizado no Centro Educacional São José Operário, localizado no bairro Cidade Operária.

O Encontro aconteceu nos últimos dias 2 e 3, de forma híbrida, com a Mesa e Conferência de Abertura virtual: Os desafios das práticas Restaurativas na Socioeducação, ministrada pela profa. Ms. Glória Cristina de Souza Cardoso/PR e pelo prof. Hildebrando Alves de Brito Júnior/MA. A mesa foi mediada pela diretora técnica da Funac, Lúcia Diniz.

O encontro contou ainda com oficinas, apresentação de experiências exitosas no uso das práticas restaurativas, além de apresentações culturais com os adolescentes dos centros socioeducativos da Funac.

No encerramento do evento foi realizada a apresentação do Selo de Práticas restaurativas pela presidente da Funac, Sorimar Sabóia, que falou sobre o histórico da Justiça Restaurativa no Maranhão e a trajetória no âmbito da Fundação.

“Essa é uma ação importante para incentivo à execução das práticas restaurativas nos Centro Socioeducativos da Funac. Sabemos o quanto o diálogo, a troca e o afeto podem transformar vidas, por isso é tão importante que a nossa gestão esteja alinhada com as práticas restaurativas. Nesse sentido é importante frisar que o selo é mais que uma premiação aos nossos centros”, afirmou.

Práticas restaurativas
As práticas restaurativas são diferentes ferramentas que possibilitam um espaço de diálogo e contribuem de forma efetiva para a reparação de danos, restauração de vínculos, promoção de responsabilizações e permitem a integração e pacificação comunitária.

Presença
O lançamento do selo contou a presença do secretário de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), Francisco Gonçalves, que parabenizou a gestão da Funac pela iniciativa.

Fonte: Agência de Notícias do Maranhão

- PUBLICIDADE -
Nos siga no Google Notícias

COMENTÁRIOS

- PUBLICIDADE -

Redes Sociais

16,985FãsCurtir
2,458SeguidoresSeguir
61,453InscritosInscrever

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

- PUBLICIDADE -
x